Categorias: Notícias

Conheça a regra da colher de chá para o uso de filtro solar

Produzido por
Clínica Vita

Assessoria de Comunicação

Compartilhe

O uso de protetor solar tópico é considerado como uma medida central dentro de um programa completo de proteção da pele. É o que preconiza o I Consenso Brasileiro de Fotoproteção – documento que recentemente foi lançado pela Sociedade Brasileira de Dermatologia e que alerta também: “a aplicação do produto, na forma e nas quantidades adequadas, é muito importante para garantir o efeito de proteção desejado.”

Se promover a conscientização para o uso diário do filtro solar já é um desafio para os dermatologistas, educar para a utilização correta do produto, então, nem se fala.

“É muito comum as pessoas acharem que porque o protetor é à prova d´água, a sua reaplicação não precisa ser feita. Outros, simplesmente querem economizar e fazer o produto render e, por isso, dispensam a reaplicação. Há ainda aqueles que exageram na quantidade na primeira passada e acham que assim não precisarão ter o trabalho de reaplicar”, revela a dermatologista Tallita Rezende, da Clínica Vita.

Conforme o Consenso da SBD, o usuário deve ter em mente a regra da colher de chá para a aplicação do filtro solar: para distribuir entre rosto, cabeça e pescoço, coloque na mão a quantidade equivalente a uma colher de chá; para cada braço, idem; para as partes da frente e de trás do dorso, duas colheres para cada lado; e para cada perna, também duas colheres.

“Essa regra da colher de chá é uma medida muito boa para as pessoas terem como referência sobre o volume de protetor a ser aplicado. É claro que isso pode variar levemente de pessoa para pessoa, mas, no geral, a quantidade é essa. O importante é a pessoa sentir que o produto chegou em toda a área que ficará exposta ao sol, e isso inclui orelhas, pescoço, a parte de cima das mãos e dos pés”, observa a médica.

A especialista aproveita para apontar os principais erros que as pessoas cometem em relação ao uso de filtro solar. Vale a pena conferir a lista abaixo e verificar quais hábitos precisam ser revistos.

OS PRINCIPAIS EQUÍVOCOS NA HORA DE PASSAR O PROTETOR SOLAR

– Usar o produto só na praia ou piscina. O CERTO é aplicar o filtro TODOS os dias;

– Não reaplicar o produto. O CERTO é fazer o retoque a cada duas horas;

– Aplicar o produto já sob o sol. O CERTO é fazer a primeira aplicação 15 a 30 minutos ANTES da exposição solar;

– Não verificar o tipo de pele ao escolher o protetor, pois, além do fator de proteção, os filtros têm indicações diferentes, conforme as características da pele de quem irá usar – há aqueles mais indicados às peles secas e os próprios para as oleosas, além dos específicos para o público infantil. Em caso de dúvida, o CERTO é se orientar com um DERMATOLOGISTA;

– Usar protetores vencidos. Como muita gente só usa o filtro em época de praia ou piscina, é também comum o resgate de frascos com sobras das últimas férias e, com isso, essas pessoas acabam por usar produtos já fora do prazo de validade. Produtos nessas condições não têm eficácia garantida. O CERTO é SEMPRE respeitar o prazo de VALIDADE.

Produzido por
Clínica Vita

Assessoria de Comunicação

Recentes

Paralisia Cerebral: desafios e principais caminhos terapêuticos

A Paralisia Cerebral apresenta características e necessidades individualizadas, que exigem acompanhamento multidisciplinar e ajustado para cada caso. Veja as abordagens…

9 meses atrás

Como a Neuromodulação tem beneficiado pacientes com diversas condições

A Neuromodulação não invasiva tem ajudado pacientes com as mais diversas condições. O procedimento promove a plasticidade cerebral, através da…

10 meses atrás

Critérios para garantir uma aplicação segura de toxina botulínica

Hoje em dia, quase todo mundo já ouviu falar sobre os benefícios terapêuticos da toxina botulínica. Assim como já ocorreu…

1 ano atrás

Sinais, diagnóstico e tratamento da espasticidade na criança

Agora, uma conversa com pais e familiares. Espasticidade é o nome de um sintoma muito prevalente em crianças com comprometimentos…

1 ano atrás

Toxina botulínica: treinamentos com aulas práticas e estudos de casos na Clínica Vita

Não é por acaso que a Clínica Vita é atualmente o maior serviço privado do país na terapêutica com toxina…

1 ano atrás

Clínica Vita abre suas instalações para treinar médicos na terapêutica com toxina botulínica

Clínica Vita oferece treinamento a médicos de todo o país interessados na terapêutica com toxina botulínica na área neurológica. O…

2 anos atrás