Eletroneuromiografia

   

A Eletroneuromiografia é um exame realizado para avaliação diagnóstica e de prognóstico das lesões do sistema nervoso periférico. Consiste em avaliar o registro da atividade elétrica dos nervos e músculos.

A Eletroneuromiografia é composta por duas partes: estudo da condução nervosa e a eletromiografia.

Muitas vezes, o encaminhamento ao fonoaudiólogo é feito por outros especialistas da área da Saúde.

No estudo da condução nervosa, são realizados estímulos elétricos de baixa intensidade nos nervos periféricos, sensitivos e motores. O registro das respostas destes nervos é feito por meio de eletrodos, colocados em pontos específicos do trajeto do nervo a ser estudado.

Na eletromiografia, é colocada uma agulha muito fina e descartável em alguns músculos e realizado o registro da atividade espontânea destes músculos, durante a inserção da agulha e durante o repouso muscular. Logo em seguida, é avaliada a atividade do músculo durante a contração muscular. Nesta etapa, não há nenhum tipo de estímulo elétrico ou injeção de nenhuma substância. O objetivo é registrar apenas a atividade do próprio músculo.

• Neuropatias compressivas (ex.: Sindrome do túnel do carpo);
• Polineuropatias periféricas (ex.: polineuropatia periferica diabética);
• Plexopatias (ex.: lesões dos plexos braquial, lombar e sacral);
• Mononeuropatias traumáticas (ex.: lesão em um único nervo, por algum trauma);
• Paralisias faciais (ex.: paralisia facial periférica);
• Miastenia gravis (ex.: doença da junção entre o nervo e o músculo);
• Dermatomiosite e Polimiosite (ex.: doenças musculares de caráter inflamatório);
• Doença do motoneurônio inferior (ex.: Esclerose lateral amiotrófica, poliomielite);
• Radiculopatias (ex.: afecção de alguma raiz medular, como nas hérnias de disco);
• Miopatias (ex.: doenças musculares).

Diretora Clínica
Drª. Simone Amorim | CRM 98.656
Rua dos Pinheiros, 498, cj.152
Pinheiros, São Paulo - SP | CEP:05422-000
+55 11 2309-4590
vitaclinica@vitaclinica.com.br