Neurologia

   

A Neurologia é uma especialidade médica voltada para o diagnóstico e o tratamento de doenças que afetam o sistema nervoso: cérebro, cerebelo, medula espinhal e nervos. Doenças que atingem os músculos e a junção entre os nervos e músculos também são diagnosticadas e tratadas por especialistas em Neurologia.

Na avaliação neurológica, são feitas perguntas sobre os sintomas do paciente e sobre seus antecedentes. Além do exame físico geral, é realizado o exame neurológico detalhado, que inclui desde a avaliação cognitiva (memória, atenção e habilidades visuoespaciais, por exemplo) até a avaliação de equilíbrio, motricidade (força, coordenação, reflexos e resistência à movimentação), sensibilidade (o tato e a percepção dolorosa, como exemplos) e nervos da cabeça, entre outros.

Em geral, a primeira avaliação demora uma hora, no mínimo. Dependendo dos sintomas do paciente e dos resultados do exame físico, o médico pode solicitar exames como: tomografia ou ressonância magnética da cabeça, eletroencefalograma, eletroneuromiografia, exames de sangue, exames do coração (eletrocardiograma, ecocardiograma e Holter) e das artérias (Doppler cervical, Doppler transcraniano, angiotomografia, angiorressonância), entre outros. O tipo de exame solicitado vai depender da suspeita em relação ao diagnóstico.

Na presença de sintomas como dor de cabeça, fraqueza em qualquer parte do corpo, diminuição de sensibilidade, dificuldade para falar, dificuldade para engolir, desequilíbrio motor, dificuldade para andar, dificuldades em pegar objetos, dificuldade em manter os olhos abertos (queda das pálpebras, principalmente no final da tarde e à noite), insônia, visão dupla ou outras dificuldades para enxergar, sem causa oftalmológica; dificuldade para ouvir ou "barulho no ouvido" (na ausência de problemas no ouvido que justifiquem o sintoma), tremores, formigamentos, "esquecimento" (dificuldades de memória), crises epilépticas e "desmaios" em geral, tonturas e dor crônica.

A maior parte dos exames complementares ao diagnóstico, solicitados pelo neurologista em consultório, tem cobertura pelos planos ou seguros de saúde. O ideal é que o paciente verifique junto à sua operadora como é a cobertura na área da Neurologia.

• Acidente vascular cerebral;
• Doença de Parkinson;
• Doença de Alzheimer;
• Cefaléia (dor de cabeça);
• Epilepsia;
• Esclerose múltipla;
• Esclerose lateral amiotrófica;
• Hidrocefalia de pressão normal;
• Polineuropatias;
• Radiculopatias;
• Miopatias;
• Miastenia gravis.

Diretora Clínica
Drª. Simone Amorim | CRM 98.656
Rua dos Pinheiros, 498, cj.152
Pinheiros, São Paulo - SP | CEP:05422-000
+55 11 2309-4590
vitaclinica@vitaclinica.com.br