Categorias: DestaquesNotícias

Sete medidas que ajudam o cérebro a funcionar melhor

Produzido por
Clínica Vita

Assessoria de Comunicação

Compartilhe

Um cérebro rápido e eficiente: quem não quer? Para isso é preciso ter neurônios saudáveis e neurotransmissores em ordem.

1. Durma bem. O nosso rendimento cai quando dormimos mal porque, durante o sono, o cérebro consolida as memórias do dia anterior, organiza o pensamento e exercita a criatividade e, além disso, prepara-se para as atividades do dia seguinte.

Claro, a genética é um fator importantíssimo nesse processo, mas, cada vez mais, a ciência comprova que nossos hábitos e comportamentos podem ser determinantes para a nossa performance intelectual.

2. Saia da rotina. A automatização das nossas atividades condiciona os processos mentais, exigindo menos esforço cerebral. Por isso, pequenos desafios como fazer novos caminhos, experimentar novos ambientes, etc. são importantes para a plasticidade cerebral.

O cérebro é como um músculo. Precisa ser estimulado e trabalhado. A plasticidade neuronal envolve a capacidade das células cerebrais (neurônios) de estabelecer novas conexões entre si (sinapses).

“Quando oferecemos desafios ao cérebro, nós o estimulamos a criar novas conexões. Isso ajuda a manter essa estrutura ativa e protegida”, explica a neuropsicóloga Marina Alves.

Por outro lado, alguns hábitos e fatores ambientais desfavoráveis prejudicam o desempenho das estruturas cerebrais e do sistema nervoso como um todo. O excesso de hormônio cortisol e de adrenalina, por exemplo, prejudica o funcionamento cerebral.

3. Movimente-se. A atividade física age no sistema nervoso central em vários níveis. Ela reduz os
níveis de cortisol e adrenalina, diminuindo o estresse e a ansiedade; estimula a formação de redes dentro do hipocampo (região responsável pela memorização) e melhora o sono. Tudo isso beneficia a concentração, os processos criativos e o raciocínio lógico.

É claro que não podemos nos poupar todo o tempo e nem, tampouco, nos dedicar somente a atividades que favoreçam a saúde cerebral. Mas, no dia a dia, existe uma série de medidas que podemos adotar para ajudar a preservar a vitalidade das estruturas cerebrais e a turbinar o seu desempenho. Podemos e devemos ajudar o nosso cérebro a se manter eficiente.

4. Organize-se. O planejamento de atividades e a boa gestão do tempo e do ambiente à nossa volta “libera” o cérebro para as atividades cognitivas.

 

5. Cuidado com calmantes e estimulantes. O uso excessivo e sem critério desses medicamentos pode acabar atrapalhando os processos mentais.

 

 

 

 

 

 

 

6. Cuidado com a ansiedade e a depressão. Viver em estados emocionais desequilibrados também pode gerar desgastes para o cérebro, com o passar do tempo. Procure ajuda profissional.

7. Administre o estresse. Se, por um lado, os pequenos desafios fazem bem ao cérebro, viver em permanente estado de tensão, por outro, não é nada saudável. Esquecimento, desatenção e baixo rendimento costumam ser sintomas típicos de quem está estressado. Dedicar-se a atividades relaxantes e prazerosas são medidas fundamentais para a sua saúde cerebral.

 

 

Produzido por
Clínica Vita

Assessoria de Comunicação

Recentes

Paralisia Cerebral: desafios e principais caminhos terapêuticos

A Paralisia Cerebral apresenta características e necessidades individualizadas, que exigem acompanhamento multidisciplinar e ajustado para cada caso. Veja as abordagens…

6 meses atrás

Como a Neuromodulação tem beneficiado pacientes com diversas condições

A Neuromodulação não invasiva tem ajudado pacientes com as mais diversas condições. O procedimento promove a plasticidade cerebral, através da…

6 meses atrás

Critérios para garantir uma aplicação segura de toxina botulínica

Hoje em dia, quase todo mundo já ouviu falar sobre os benefícios terapêuticos da toxina botulínica. Assim como já ocorreu…

1 ano atrás

Sinais, diagnóstico e tratamento da espasticidade na criança

Agora, uma conversa com pais e familiares. Espasticidade é o nome de um sintoma muito prevalente em crianças com comprometimentos…

1 ano atrás

Toxina botulínica: treinamentos com aulas práticas e estudos de casos na Clínica Vita

Não é por acaso que a Clínica Vita é atualmente o maior serviço privado do país na terapêutica com toxina…

1 ano atrás

Clínica Vita abre suas instalações para treinar médicos na terapêutica com toxina botulínica

Clínica Vita oferece treinamento a médicos de todo o país interessados na terapêutica com toxina botulínica na área neurológica. O…

1 ano atrás